O pagamento do 13º salário não ficará na conta em maio – Entenda quem ficou de fora

aposentados
Publicidade

O pagamento do 13º salário não ficará na conta em maio – Entenda quem ficou de fora:


Os pagamentos do 13º salário antecipado começaram no dia 25 de abril para vários pensionistas e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS! Cerca de R$ 56,7 bilhões serão injetados na economia antecipadamente para melhorar o sentimento em um ano eleitoral e aliviar os problemas causados ​​pela pandemia de COVID-19. No entanto, alguns grupos não recebem o adiantamento do 13º salário! Saiba mais abaixo.

Publicidade

Quem tem direito e como é pago antecipadamente o 13º salário?


Introduzido em 1962, o 13º salário representa um alívio para os trabalhadores brasileiros no orçamento doméstico e, portanto, a recompensa mais esperada. Devido aos empregados com contrato fixo, pensionistas, pensionistas e servidores públicos, o benefício, também conhecido como gratificação natalina, deve ser pago em duas parcelas pelo empregador, conforme o site da Justiça do Trabalho.

Assim, o pagamento do dia 13º cai automaticamente antecipadamente com o benefício mensal nas contas dos aposentados e pensionistas que têm direito a ele desde janeiro. Assim, aposentados e aposentados que receberam auxílio-invalidez temporária, auxílio-acidente, pensão por velhice, auxílio-morte ou auxílio-integração podem receber o 13º adiantamento.

Isso significa que existem alguns grupos que não recebem beneficia o adiantamento:

Publicidade

Quais grupos não podem receber o 13º adiantamento?


Assim, aqueles que adiantaram o 13º salário dos bancos elegíveis no início do ano não têm direito ao adiantamento agora porque já têm o valor recebido e deve pagá-lo com juros para obter o valor atual.

Beneficiários BPC/LOAS. Por isso não recebem o 13º subsídio do INSS porque já possuem uma conquista com tom de assistência.

Finalmente, quem recebe o INSS somente a partir do mês de maio também não receberá nenhum adiantamento. Neste caso, você o receberá em uma parcela no final do ano.

Veja também:

Publicidade

Deixe um comentário